Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Acordo evita encerramento da Broadway em Nova York

O sindicato de funcionários de apoio dos teatros de Nova York alcançou um acordo provisório nesta quinta-feira (20) que evitou o encerramento da Broadway neste fim de semana, que viria na esteira da greve dos atores de Hollywood.

A International Alliance of Theatrical Stage Employees (IATSE), que representa 1.500 ajudantes de palco e outros trabalhadores de bastidores, havia iniciado o processo de votação para entrar em greve.

Mas o sindicato chegou a um acordo com a Disney Theatrical e o grupo comercial da indústria Broadway League, que representa os proprietários de teatros e produtores, anunciaram as partes em comunicado.

O acordo ainda deve ser ratificado pelas bases da IATSE e será apresentado aos filiados nos próximos dias, acrescenta a nota.

“Foi evitada a greve, embora o contrato deva ser aprovado pelos filiados”, declarou o porta-voz do sindicato, Jonas Loeb.

O acordo foi alcançado depois que a IATSE autorizou ontem a votação para decidir pela paralisação.

A imprensa americana informou que a greve paralisaria o famoso distrito teatral de Nova York a partir desta sexta, o que seria um duro golpe em plena alta temporada de verão e em um momento no qual economia da cidade mal vinha se recuperando dos efeitos da pandemia.

Se a greve tivesse sido aprovada, 28 espetáculos seriam interrompidos na Big Apple e outros 17 que estão atualmente em turnê nos Estados Unidos e no Canadá.

A ameaça de greve se soma à primeira paralisação da indústria do cinema e da televisão em 63 anos, que fechou Hollywood e ameaça o gigantesco negócio.

Cerca de 160.000 atores abandonaram o trabalho na semana passada depois que as negociações com os estúdios de produção terminaram sem acordo.

Os atores se juntaram aos milhares roteiristas que já estavam em greve há algumas semanas.

A Broadway obteve mais de 1,6 bilhão de dólares (R$ 7,6 bilhões, na cotação atual) em receitas, com mais de 12,3 milhões de ingressos vendidos na temporada 2022-2023 que terminou em maio, segundo a Broadway League.