Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Angola e Brasil aprofundam cooperação bilateral com VII Comissão Mista

A VII Comissão Mista entre Angola e o Brasil teve início, esta quarta-feira, em Brasília, capital federal, com o foco no reforço da cooperação bilateral.

Na sessão de abertura, os dois ministros das Relações Exteriores, Téte António e Mauro Vieira, respectivamente, reafirmaram o propósito de consolidar e aprofundar os laços históricos e de amizade entre os dois povos e países, bem como elevar a relação de cooperação estratégica diversificada, mutuamente vantajosa, a um novo patamar, com realce para as questões políticas e diplomáticas.

O ministro brasileiro, Mauro Vieira, aproveitou a sua intervenção para saudar a presidência pro tempore 2021-2023 exercida por Angola no âmbito da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e a prioridade atribuída ao novo pilar económico da organização.

Por seu turno, Téte António considerou o Brasil como um parceiro estratégico que, desde sempre, concedeu a sua atenção nas relações com Angola, por simbolizarem um percurso com muitas realizações e um futuro promissor para os povos dos dois países.

“Angola reconhece a potência brasileira, que tem uma economia competitiva, diversificada e com uma vasta experiência, pretendendo, deste modo, reforçar a sua cooperação em áreas de interesse vital para a sua economia, como os da agricultura, pescas, agro-indústria, saúde, segurança alimentar, educação, transportes, turismo, energia, defesa, águas e saneamento básico, e também financeira”, disse o ministro.

Participam desta VII Comissão Mista Angola-Brasil responsáveis e técnicos de vários departamentos ministeriais, dentre os quais os das Relações Exteriores, do Interior, da Agricultura e Florestas, dos Transportes, das Finanças e da Saúde.

A cooperação entre Angola e o Brasil começou a desenhar-se no dia 11 de Junho de 1980, com a assinatura do Acordo de Cooperação Económica, Científica e Técnica.

No âmbito desse acordo, Angola e o Brasil desenvolveram a sua cooperação nas áreas da saúde, cultura, administração pública, formação profissional, educação, meio ambiente, desporto, estatística e agricultura.

O Brasil foi o primeiro país do mundo a reconhecer a independência de Angola, proclamada em 11 de Novembro de 1975, pelo então Presidente António Agostinho Neto. VM