logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo
star Bookmark: Tag Tag Tag Tag Tag
Angola

Basquetebol: Valdelicio leva Petro ao triunfo apertado sobre 1º de Agosto

Pautado sob o signo do equilíbrio, Carlos Morais inicia as hostilidades com um triplo, que demonstra as verdadeiras intenções dos campeões nacionais, mas contando com a resposta do oponente Carlos Cabral, que converte de curta distancia.           

Apesar disso, uma certa desconcentração e perda de bolas por parte de jogadores do Petro, permite o aproveitamento do adversário, que chega em vantagem de 24-17 no primeiro quarto.

Em sequência, vem ao de cima a maior irreverencia e atrevimento de Valdelicio, que ganha a luta nas tabelas e permite uma grande recuperação da sua formação, que passa ao comando do resultado em 33-41 no intervalo maior.

No reatamento, embora se note um maior dinamismo na turma do treinador Paulo Macedo, que mostra-se eficaz defensivamente e nos lances curtos, o adversário não se coíbe e procura alternativas, com o pequeno Childe Dundão a penetrar e distribuir aos seus colegas e amealhar os pontos necessários.

Das acções, os pupilos do técnico Lazare Adingonó empreendem mais uma soberba recuperação, que permite atingir a cifra de escasso um ponto de desvantagem (55-54), no terceiro quarto, para o gaudio dos adeptos nas bancadas.  

Já no quarto e último, em que se repete a tónica de acções equiparadas, bem como o redobrar de esforços, com lançamentos da parte de Mutau Fonseca e Olímpio Cipriano, entre outros, evidencia para uma certa frieza e concentração dos petrolíferos, que conseguem conservar a vantagem mínima e conquistar o trofeu luandense.           

Os 12 pontos de Islando Manuel foram insuficientes para evitar a derrota da equipa agostina.

À entrada para esta ronda derradeira, as duas formações encontravam-se igualadas a 12 pontos na tabela classificativa.

Com a vitória, o Petro termina na primeira posição, com 14 pontos, contra 13 do 1º de Agosto, em segundo.

O provincial de Luanda, que já não se disputava desde 2016, foi organizado pelos clubes e Associação Provincial de Basquetebol (APBL), para cobrir o defeso do Campeonato Nacional, adiado por dívida da federação angolana da modalidade com os árbitros.

Resultados parciais (24-17, 33-41, 55-54 e 73-74)

As equipas anotaram da seguinte forma:

1º de Agosto – Teotonio Dó (dnp), Carlos Cabras (4), Mohamed Malick (10), Edson Ndoniema (5), Armando Costa (cap.) (7), Jilson Bango (9), Pedro Basto (3), Mutau Fonseca (10), Eduardo Mingas (9), Hermenegildo Santos (2), Islando Manuel (12) e Clesio Francisco (2).

Treinador: Paulo Macedo

Petro – Braulio Morais (0), Olímpio Cipriano (11), Childe Dundão (7), Carlos Morais (9), José António (0), Leonel Paulo (cap.) (9), Aboubakar Gakou (dnp), Hermenegildo MBunga (0), Benvindo Quimbamba (2), Jone Pedro (13), Aldemiro João (4) e Valdelicio Joaquim (19).

Treinador: Lazare Adingono

Angop/VAB

nnnn       

Themes
ICO