Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Boris Johnson demite-se do cargo de deputado com efeitos imediatos

Investigação ao “partygate” conclui que o antigo primeiro-ministro mentiu ao Parlamento e a provável sanção levou BoJo a também virar costas a Westminster

O antigo primeiro-ministro do Reino Unido Boris Johnson decidiu abandonar com efeito imediato as funções de membro do Parlamento britânico depois de saber que irá ser sancionado por ter enganado o Parlamento.

Numa carta, o antigo chefe do Governo acusou os opositores de o terem tentado expulsar através da Comissão de Inquérito dos Privilégios, que conduziu a investigação ao chamado “partygate”, o caso das festas privadas em Downing Street numa altura em que o governo exigia contenção de convívios à população devido à pandemia de Covid-19.

“Eles ainda não produziram um pingo de evidência de que eu intencional ou imprudentemente enganei a Câmara dos Comuns”, afirma Boris Johnson, na carta.

BoJo, como também é conhecido informalmente, abdicou do cargo de primeiro-ministro depois de uma série de escândalos em que se viu envolvido, incluindo já o “partygate”, mas manteve-se como deputado do partido conservador em Westminster. Até agora.