Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

EUA têm “total responsabilidade” por dificuldades em intercâmbios militares, diz porta-voz da Defesa chinês

Beijing, 1º jun (Xinhua) — Os Estados Unidos devem assumir total responsabilidade pelas dificuldades atuais que impedem as trocas militares China-EUA, disse um porta-voz da Defesa chinês na quarta-feira.

Tan Kefei, porta-voz do Ministério da Defesa Nacional, fez as declarações em resposta às alegações dos EUA de que a China recusou seu pedido de uma reunião entre os chefes de defesa dos dois países em Cingapura e a China rejeitou repetidamente os pedidos dos EUA para trocas em vários níveis entre as duas forças armadas nos últimos anos.

Tan disse que a China atribui importância ao crescimento das relações entre os dois exércitos e à comunicação em todos os níveis.

“Os contatos militares e os intercâmbios entre os dois países, de fato, nunca foram suspensos”, acrescentou.

No entanto, os diálogos não podem continuar quando nenhum princípio é seguido e a comunicação não pode ser conduzida sem uma linha de base, disse ele.

O lado americano promete fortalecer a comunicação por um lado e cria obstáculos por outro, desconsiderando as preocupações da China, disse ele. “Não se trata de uma atitude comprometida com a comunicação.”

O lado americano precisa mostrar sua sinceridade em suas ações, corrigir seus erros e criar condições e ambiente necessários para a comunicação e o intercâmbio entre os dois lados, disse o porta-voz.