Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Treinador do Paris Saint-Germain e filho foram detidos sob acusações de racismo

O antigo treinador do OGC Nice, Christophe Galtier, e o filho, John Valovic-Galtier, foram detidos pela polícia de Nice, esta sexta-feira, depois de terem vindo a lume, na primavera, as acusações de racismo feitas pelo antigo diretor desportivo do clube, Julien Fournier.

O treinador do Paris Saint-Germain, Christophe Galtier foi detido pela polícia, juntamente com o filho, no seguimento de uma investigação sobre racismo e discriminação quando Galtier treinava o Nice, disse o promotor público da cidade, Xavier Bonhomme.

O caso está relacionado com a fuga de um alegado e-mail do então diretor desportivo do Nice, Julien Fournier, no qual este denunciava a atitude alegadamente racista de Galtier como treinador da equipa de futebol na época 2021-2022.

A 13 de abril, a polícia judiciária de Nice abriu um inquérito preliminar por discriminação com base na raça ou na religião, tendo o treinador negado as acusações.

Galtier, que venceu o campeonato francês com o PSG esta época, não vai continuar no comando do clube parisiense, e negou todas as acusações.

Na próxima época, o clube da capital francesa deverá ser orientado pelo espanhol Luis Enrique.