Cape Verde
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

IPC vai assinalar o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios com diversas actividades 

O Instituto do Património Cultural (IPC) comemora, este ano, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, assinalado a 18 de Abril, sob o lema “Património e Clima”, para promover o debate sobre a importância da preservação do património. As actividades alusivas à data decorrem entre 18 e 30 deste mês.

O propósito, de acordo com a instituição, é melhorar o nível de conhecimento do património cultural tanto da comunidade local e educativa, como também das instituições públicas e privadas, contribuindo para uma sociedade onde o respeito pelo património cultural, enquanto elemento da identidade cultural possa ser reconhecido como algo significativo.

Neste sentido, prevê realizar um conjunto de actividades alusivas à data, de 18 a 30 deste mês, das quais destaca o lançamento de atlas da lista indicativa de Cabo Verde na Unesco, no dia 19, um documento administrativo e explicativo no sentido didático pedagógico, mostrando paisagens culturais de Cabo Verde.

Divulgar e conhecer

Segundo o presidente do IPC, Jair Fernandes, em entrevista à Inforpress, o objectivo é divulgar, este projecto financiado pela Unesco, e dar a conhecer esta lista.

“Vamos também participar em conjunto com as câmaras municipais de alguns programas, como a câmara da Ribeira Grande de Santiago, a Cidade Velha enquanto património mundial, onde no dia 18 vai acontecer uma conversa aberta sobre o património mundial, visitas guiadas a todos os monumentos a nível nacional, que vai ser gratuito neste dia, mesmo para os turistas estrangeiros”, afirmou.

Palestras nas escolas

Além deste, acrescentou que realizam também palestras nas escolas na ilha de Santiago, nomeadamente nos liceus Pedro Gomes e Domingos Ramos, fazendo um pouco alento o que a Unesco alerta, ou seja, a necessidade de educar gerações futuras em prol do património e do clima.

Sobre o lema deste ano “Património e Clima” sublinhou que faz pensar um pouco nas mudanças climáticas apelando à resiliência, sobretudo nos países arquipelágicos como Cabo Verde, em que qualquer acção climática trará fortes impactos na conservação do património.

Impactos das Mudanças Climáticas em Cidade Velha

Enquadrada ainda nas atividades alusivas ao dia Internacional dos Monumentos e Sítios, pretender realizar em parceria com a Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago uma conversa aberta sobre os “Impactos das Mudanças Climáticas no Sítio Histórico, Cidade Velha, Património Mundial”, no dia 18 de abril a partir das 9h30, no Centro Cultural da Cidade Velha.

A conversa, que terá como públicos os técnicos da edilidade e os residentes locais, tem como objetivo a sensibilização sobre a mudança de atitudes em relação à proteção do ambiente e do património histórico face às consequências nefastas da alteração climática.

C/Inforpress

PUB