Portugal

Ataque aéreo dos EUA na Somália mata 27 elementos do grupo al-Shabab

A informação foi avançada pelo Comando Militar Norte-Americano para África (AFRICOM) que precisou que nenhum civil foi morto no ataque, realizado no domingo a 26 milhas a sudoeste de Bosasso, a capital comercial do Estado semi-autónomo de Puntland.

Esta zona tem sido cenário de ataques conduzidos por extremistas alinhados com o grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI) contra as forças locais.

A administração norte-americana liderada pelo Presidente Donald Trump aprovou uma intensificação das operações militares contra os extremistas na Somália, nomeadamente contra as milícias al-Shabab, com ligações à rede terrorista Al-Qaida.

O reforço, aprovado no ano passado, passou pela realização de dezenas de ataques com 'drones' (aparelhos aéreos não tripulados).

Em outubro passado, um ataque com um camião armadilhado atribuído ao grupo radical al-Shabab matou no centro de Mogadíscio 512 pessoas, um dos ataques mais mortíferos registados naquele país.

O al-Shabab foi afastado de Mogadíscio em agosto de 2011 pela força da União Africana na Somália (AMISOM), destacada em 2007 para apoiar o frágil governo somali com cerca de 21.000 homens.

O grupo terrorista também perdeu a maioria dos seus bastiões, mas continua a controlar vastas zonas rurais no país e realiza operações de guerrilha e atentados suicidas.

A força da União Africana iniciou, entretanto, um plano de retirada que deve estar concluído em 2020 e os planos preveem a entrega da segurança do país às forças locais.

As forças militares norte-americanas afirmam que as forças somalis ainda não estão prontas.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Football news:

Setien on if Barcelona don't win La Liga: I bear a share of responsibility, but not all of it
Joan Laporta: if I were Xavi, I would never go to Barca under this management
Bayern, Atletico and Everton are Interested in Zaa
Joan Laporta: Messi is the best in history. We must create appropriate conditions for it
Mourinho on Bergwein in reserve: Klopp, Pep and Lampard you ask such questions
Solskjaer on Pogba: he's been great since the restart. When Paul plays like this, you can't help but include him in the lineup
Alisson: the points Record was not Liverpool's goal. We are still Champions