logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo
star Bookmark: Tag Tag Tag Tag Tag
Portugal

Eurogrupo. Centeno decide segundo mandato "mais perto" de julho

O ministro das Finanças e presidente do Eurogrupo, Mário Centeno, não se compromete para já com um segundo mandato na instituição europeia, remetendo para "mais perto" de julho essa mesma decisão, disse em entrevista ao jornal alemão Süddeutsche Zeitung.

"O meu mandato termina a 13 de julho. Decidirei concorrer a um segundo mandato [como presidente do Eurogrupo] mais perto dessa data", disse Centeno, acrescentando: "Agora estou focado em concluir a agenda do 1.º semestre de 2020"

O atual presidente do Eurogrupo mantém, assim, em aberto a possibilidade de ingressar ou não num novo mandato à frente da instituição. De recordar que o presidente do Eurogrupo deve ser ministro das Finanças de um dos Estados-membros. 

Questionado sobre o primeiro excedente projetado para a economia portuguesa e sobre os riscos que podem levar a uma reviravolta do ciclo económico, Centeno mostrou-se confiante.

"A zona euro é agora muito mais sustentável, inclusive do lado da política orçamental. Não temos países em procedimento por défice excessivo. Os níveis de dívida pública estão a cair. Podemos enfrentar mudanças no ciclo de negócios com a máxima confiança. Portugal é realmente um exemplo disso", disse. 

Themes
ICO