Brazil

4ª Seminário Salvador Cidade Sustentável registra o dobro de público da edição passada

Mesmo com a pandemia, a 4ª edição do Seminário Salvador Cidade Inovadora conseguiu dobrar o número de pessoas inscritas para assistir aos debates se comparado à edição do ano passado. Este ano, 1.580 pessoas se inscreveram para o evento, que discutiu temas como empreendedorismo feminino negro, gênero e mudança do clima, e o primeiro passo para valorização de um negócio, entre outros assuntos ligados à sustentabilidade ambiental, social e econômica, nesta quarta-feira (5).

O diretor de Inovação da Secretaria de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência de Salvador (Secis), Ivan Euler, contou que essa foi a primeira vez que o seminário aconteceu de forma on-line. Outra novidade é que desta vez o evento atraiu atenção também do público estrangeiro e, por isso, a Secretaria teve que fazer alterações na ficha de inscrição. Entre os países presentes estavam EUA, Espanha, México e Dinamarca.

“O evento foi desafiador porque foi o primeiro que fizemos de forma virtual. Enquanto prefeitura a gente também ainda não tinha feito nenhum evento virtual, então, foi um desafio grande. Tentamos fazer um seminário diferente do que estava acontecendo em diversas lives pelo Brasil. Uma das iniciativas foi tentar atrair diversos públicos, por isso, dividimos [o conteúdo] em três salas simultâneas, e essa expectativa aconteceu. Estou extremamente feliz. Correu tudo bem”, disse.

Ivan contou que houve inscrições em diversos estados do Brasil e adiantou que a novidade pode ter vindo para ficar. Ele acredita que as próximas edições do seminário terão as duas versões, presencial e virtual.

“Acredito que os eventos, não somente da prefeitura, mas de uma forma geral, eles vão acontecer de forma presencial e online. A gente está aprendendo um novo normal, virou um jargão essa palavra, e acredito que os próximos eventos serão presenciais e terá essa possibilidade de acompanhar também de forma online”, afirmou.

Apesar de não ter sido um dos temas do seminário, o assunto pandemia atravessou muitas das palestras e aqueceu as discussões nas redes sociais. Uma equipe da Secretaria acompanhou parte dos debates que extrapolaram as videoconferências do evento e avançaram pelas redes.

Quem fez a abertura foi o titular da Secis, o secretário João Resch, e a editora-chefe do CORREIO e representante da Afro Fashion Day, Linda Bezerra, que participou da mesa Qual o impacto da cadeia da moda e sua diversidade?, junto com Zé Pimenta (Sócio-fundador da Euzaria), Marcella Mafra (Co-fundadora da Libertees), e mediação de André Menezes (Empreendedor de Impacto e Idealizador da Baanko).

O Seminário Salvador Cidade Inovadora acontece desde 2017. Ele é realizado pela Prefeitura de Salvador, por meio da Secis, e reúne profissionais e representantes de organizações nacionais e internacionais em torno das temáticas centrais do empreendedorismo e da inovação.

Com uma palestra de abertura e 16 painéis divididos em três salas – Pessoas, Planeta e Lucro –, foram mais de 28 horas de discussões, com atividades simultâneas e acesso livre entre estas. O evento terminou com um painel sobre música, inovação e negócios com a participação da cantora Larissa Luz, de Pedro Tourinho (MAP Brasil/Soko), Alexandre Schiavo (CAO América Latina, Latino US, Portugal e Espanha da Alta Fonte), Bruno Vieira (Head of label and artist relations da Amazon Music no Brasil), e mediação do jornalista Marcos Casé.

Football news:

Peter Crouch: Bruno will win The Golden boot. In the Premier League, 38 matches are 38 penalties for Manchester United
Guardia will go to Leipzig next summer for € 16 million plus bonuses
Totti visited a Lazio player who came out of a coma after 9 months
Carlo Ancelotti: Seamus Coleman is on a par with Ramos, Terry and Maldini
Mainz have sacked coach Baerlocher. The players went on strike because of the removal of the forward Salai
PSV for 9 million euros signed the defensive midfielder of Toulouse sanghar. They were Interested in Spartak
In the Premier League now give a penalty for almost any hit of the ball in the hand in the penalty area. Neither the players, nor the coaches, nor, it seems, the referees themselves like this