logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo logo
star Bookmark: Tag Tag Tag Tag Tag
Brazil

Segurança é morto em assalto à casa de prefeito na Bahia

Um assalto à casa do prefeito do município de São Felipe, no Recôncavo baiano, acabou com a morte do segurança da residência, na manhã desta quinta-feira (11). A informação foi confirmada ao CORREIO pela assessoria de Rozálio Souza da Hora - que presenciou a morte do funcionário, identificado apenas como Hamilton. Uma quantia não informada foi levada pelos bandidos.

Conforme os representantes do prefeito, era por volta de 11h50 quando dois homens em uma motocileta interfonaram na residência, localizada no bairro de Campos Elíseos, Centro da cidade. Rozálio, que estava em casa acompanhado da neta, uma criança de um ano, atendeu o interforne e liberou a entrada dos bandidos, acreditando que eram carteiros. 

De acordo com o assessor do gestor, Leandro Santana, os homens estavam fardados com roupas dos Correios e seguravam uma caixa.

"Ele [Rozálio] olhou pelas câmeras e abriu a porta. Um deles ficou com o segurança [Hamilton] e o outro foi adiante, chegou próximo ao prefeito e entregou um papel que deveria ser assinado para entregar a correspondência, os dois armados", relatou.

Segundo Leandro, quando um dos ladrões sentiu a desconfiança de Hamilton, atirou na mão do rapaz. "Aí ele anunciou o assalto e perguntou onde ficava o cofre. Ele [o segurança] tentou correr e o outro atirou na cabeça dele, que caiu morto lá mesmo", afirmou o assessor, acrescentando que a criança estava no andar de cima da casa na hora dos tiros.

O assessor do prefeito disse à reportagem que o gestor de São Felipe, que mora na casa há mais de 30 anos, está abalado com a morte do segurança, que já trabalhava para a família há cerca de cinco anos.

Em novembro do ano passado, o filho de Rozálio, Elpídio Souza da Hora, foi morto a pauladas na fazenda da família, na zona rural da cidade. Na época, a Polícia Militar informou que havia sido chamada para checar uma denúncia de agressão e, no local, encontrou Elpídio já morto. 

Em nota divulgada em suas redes sociais, o prefeito agradeceu à população pelas "manifestações de preocupação".

Íntegra da nota de Rozálio da Hora
"Meus conterrâneos!!!
Gostaria de agradecer a todas as manifestações de preocupação, carinho e solidariedade dispensadas a mim e a minha família pelo ocorrido hoje, em nossa residência. Como alguns de vocês já devem saber, a nossa casa foi tomada de assalto na manhã desta quinta-feira (11/10) apesar de ter sofrido o susto, eu estou bem. Quero aqui expressar meus sinceros sentimentos de gratidão e apoio aos familiares do Meu Amigo Eterno Hamilton, uma pessoa íntegra e de um grande coração. Infelizmente, foi baleado e veio a óbito. Que Deus conforte o coração de todos os familiares neste momento de dor para todos nós. A todos que se preocuparam, ligaram ou mandaram mensagens, o meu MUITO OBRIGADO! Que Deus continue sempre nos abençoando, nos protegendo e nos livrando de todo o mal.  Att, Rozalio Souza da Hora"

O CORREIO procurou as polícias Civil e Militar, mas não obteve retorno. 

Themes
ICO