Brazil

Vacinação de idosos entre 76 e 78 anos no DF começa nesta sexta; saiba como agendar

 (crédito: CLAUDIO CRUZ / AFP)

(crédito: CLAUDIO CRUZ / AFP)

A partir das 8h desta sexta-feira (26/2), pessoas com mais de 76 anos começam a se vacinar contra a covid-19 no Distrito Federal. A ampliação, que ocorre após a chegada de 25,5 mil doses da vacina de Oxford/AstraZeneca, tem previsão de alcançar mais de 23 mil pessoas. Na próxima semana, a Secretaria de Saúde (SES-DF) deve receber mais duas remessas de CoronaVac. “Uma tem chances de chegar neste fim de semana; a outra, no início de março”, detalhou o secretário-adjunto de Assistência à Saúde, Petrus Sanchez ao Correio.

Apesar da expectativa, o recebimento das doses sofreu atrasos. A previsão inicial era de que a remessa de unidades da CoronaVac chegasse ao DF em 23 de fevereiro e permitisse a imunização de idosos a partir dos 75 anos. A demora afetou o atendimento em diversos postos de atendimento: na quarta-feira (24/2), por exemplo, pontos na Estrutural, em Santa Maria, bem como em Taguatinga não tinham mais doses, e muitas pessoas voltaram para casa se vacinar. Ontem, o estoque da Secretaria de Saúde tinha, aproximadamente, 49,2 mil unidades de CoronaVac e Oxford/AstraZeneca.

Até a noite de quinta-feira (25/2), 119,7 mil pessoas haviam sido vacinadas contra a covid-19 no DF; desse total, 38,8 mil receberam as duas doses. O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, calcula que cerca de 20% dos atendidos em Brasília são de outras unidades da Federação. Nesse grupo, 15% são de Goiás. Apesar de isso não constar na previsão inicial da pasta, o chefe da SES-DF afirmou que não vai ficar sem imunizar essa população — desde que os moradores de fora sejam parte do grupo prioritário. “Não vamos deixar de atender as pessoas. O Sistema Único de Saúde (SUS) é universal”, reforçou.

Agendamento obrigatório

No Distrito Federal, tornou-se obrigatório marcar data, hora e local para a imunização contra a covid-19, seja para a primeira dose ou para o reforço. Com o direcionamento da população ao site exclusivo para agendamento (leia Tira-dúvidas), o público pode escolher a modalidade de preferência — salas de vacina ou postos drive-thru — e imprimir o comprovante com os dados pessoais. Desde as 16h de quinta-feira (25/2), o sistema — que antes estava disponível apenas para marcação da segunda aplicação — ficou aberto para todas as pessoas que fazem parte do público prioritário.

Nas primeiras horas, mais de 2 mil pessoas fizeram agendamento. No entanto, entre a tarde e a noite de quinta-feira (25/2), o site ficou fora do ar por cerca de duas horas e apresentou instabilidades ao longo do dia. A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informou que isso ocorreu devido à grande demanda de acessos simultâneos. “A área técnica da pasta tem realizado ajustes no sistema e monitorado a situação”, afirmou a pasta, em nota.

Por enquanto, no DF, podem se vacinar: profissionais da saúde pública e privada; indígenas aldeados; idosos com mais de 60 anos internados em instituições de longa permanência; idosos em home care; pacientes do Núcleo de Atenção Domiciliar (Nrad); pessoas com deficiência institucionalizadas; e idosos a partir de 76 anos. Apenas o atendimento de servidores da saúde continuará sem agendamento, nos respectivos locais de trabalho.

Tira-dúvidas

Quem pode agendara vacinação?
Neste momento, o agendamento é para vacinação de pessoas que estão com o recebimento da segunda dose da CoronaVac marcado, no cartão de vacina, para o período entre 22 e 26 de fevereiro. Além delas, está permitido para idosos acima de 76 anos. Os agendamentos começaram ontem, já o atendimento de pessoas de 76 a 78 anos tem início hoje. Idosos que precisarem receber a vacina em casa podem agendar a aplicação, pelo site vacina.saude.df.gov.br.

Posso agendar pelo número do Telecovid?
Com a possibilidade de agendamento pela internet, o serviço de atendimento telefônico deixará de receber chamados para agendamento a partir de segunda-feira (1º/2).

O que fazer caso eunão consiga agendar?
Quem não conseguir fazer a marcação pode procurar uma unidade básica de saúde (UBS), onde os servidores farão o agendamento.

O que devo levar para a vacinação?
É preciso apresentar cartão de vacina, com o comprovante da primeira dose — se for o caso do reforço. Se possível, leve a ficha de confirmação do agendamento pela internet impressa e preenchida. Quem não puder imprimi-la terá a opção de preencher o documento no local de atendimento.

Passo a passo

Confira como agendar pelo site:

1 - Acesse o site vacina.saude.df.gov.br e selecione o tipo de agendamento;

2 - Preencha todos os dados pessoais e a data da primeira dose (quando tomou ou pretende tomar);

3 - Selecione a região administrativa do ponto de vacinação de preferência, o estabelecimento de saúde, data e hora;

4 - Após o agendamento, clique em “Imprimir”;

5 - Leve o comprovante no dia marcado;

6 - Se necessário, é possível conferir a marcação pelo mesmo site, informando o número do CPF.

Colaborou Ana Maria da Silva

Football news:

PSG are thinking of signing Messi, Kane or Salah if Mbappe leaves (Telefoot)
Malinovsky gave 2+ assists in two consecutive matches - the first such case in Serie A for 8 years
Arteta about 3-0 with Sheffield: Arsenal controlled the game. Perfect preparation for Slavia
Ronaldo threw the shirt on the field after the match with Genoa. Juve will not fine Cristiano - it could be a gift to bolboy
Saka suffered a thigh injury in Arsenal's match with Sheffield Wednesday
Mostovoy about Tedesco: He calmed down. I realized that football is not just about yelling and jumping on the edge
Mourinho on Sulscher's words: Sonny is lucky that his dad is better than Ole. The father should always feed the children. We need to steal food for them - steal