O líder da Juventude Popular, Francisco Rodrigues dos Santos, deverá ser eleito este domingo como o próximo líder do CDS. A moção de ‘Chicão’, como tem sido conhecido no partido, foi a mais votada com 46,4% dos votos, contra 38,9% de João Almeida e 15,4% de Filipe Lobo d’Ávila. Formalmente, a votação para a direção do partido é só este domingo e a existência de uma ‘geringonça’ dos menos votados ainda poderia ser feita durante a madrugada — mas a tradição do partido aponta para que o candidato que tem a moção mais votada pelos delegados é o que é eleito líder. Além disso, João Almeida e Filipe Lobo d’Ávila afastaram expressamente essa hipótese. Francisco Rodrigues dos Santos será, por isso, eleito e consagrado como líder este domingo.

Durante a madrugada deste sábado, Francisco Rodrigues dos Santos escolhe a sua equipa, sendo expectável que — numa tentativa de unir o partido — convide os seus adversários (ou, em alternativa, os seus apoiantes) para a lista que vai definir a futura direção do partido.

Depois de Freitas do Amaral, Francisco Lucas Pires, Adriano Moreira, Manuel Monteiro, Paulo Portas, José Ribeiro e Castro e Assunção Cristas, Francisco Rodrigues dos Santos torna-se no oitavo centrista a liderar os destinos do partido.

Pode ouvir aqui a entrevista de Francisco Rodrigues dos Santos à Rádio Observador durante o 28º Congresso do CDS:

E também ver a mini-entrevista em vésperas do Congresso com o candidato à liderança do CDS.