Portugal

IMI no mínimo fez câmara de Coimbra abdicar de 44 milhões

Arquivo DB-Carlos Jorge Monteiro

A redução progressiva da taxa de IMI, desde 2013, levou a Câmara de Coimbra a abdicar de mais de 44 milhões de euros de receita, nos últimos três anos. Isso mesmo se constata da leitura dos Anuários Financeiros dos Municípios Portugueses de 2017, 2018 e 2019 e refletem, estando agora na taxa mínima legal permitida.
Estes dados foram enfatizados pelo presidente Manuel Machado, na reunião do executivo desta quinta-feira. Na ocasião, o autarca destacou que, ainda assim, a “boa saúde financeira” da câmara” e a capacidade para “continuar a realizar todos os investimentos programados no âmbito do Portugal 2020 e, ao mesmo tempo, assegurar o apoio às famílias, associações culturais, desportivas e recreativas, e aumentar significativamente o financiamento às freguesias”.
Recorde-se que, em 2013 a Câmara aprovou uma primeira descida na taxa de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) de 0,39% para 0,38%. A partir daí, a taxa não parou de descer, até atingir o valor mínimo legal de 0,30%, em 2018 – mantendo-se em 2019, 2020 e em 2021.
Em nota à comunicação social, a autarquia conimbricense acentua que, desde 2017, o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses incorporou na análise da execução orçamental a diferença entre o IMI cobrado e o IMI que se poderia cobrar se aplicada a taxa máxima de 0,5%.
Feitas as contas, em 2017, a Câmara de Coimbra abdicou de 13.202.148€, criando uma poupança de 98€ por cidadão; no ano seguinte, em 2018 abdicou de 14.219.911€, sendo a poupança de 106€ por munícipe; e em 2019 abdicou de 16.869.865€, criando uma poupança de 126€ por cidadão.
Assim, ao todo, neste três anos, a verba de que a câmara abdicou ascende a 44.291.924€. Registe-se ainda o facto de, em 2019, Coimbra ter sido a sétimo câmara do país que mais abdicou de IMI, sendo o quinto que maior poupança criou aos seus cidadãos.

Pode ler a notícia completa na edição impressa e digital do DIÁRIO AS BEIRAS

Football news:

Milan will announce the signing of Mandzukic and Tomori this week
Leonardo on Messi at PSG: We are not at the negotiating table, but the chair is reserved. Such a player is always on our lists
Leonardo on the contracts of Neymar and Mbappe: We are not going to beg them to stay. But I have a good feeling
Boca Juniors won the Diego Maradona Cup by beating Banfield on penalties
Man City, Barcelona and Bayern have congratulated Pep on his 50th birthday
Solskjaer parked the bus at Anfield, as Mourinho did. Ins about the match Liverpool - Manchester United
Liverpool dominated the first half-hour but did not exploit Pogba's weaknesses. Manchester United leveled the game and had the best moments