O mau tempo registado esta segunda-feira no arquipélago da Madeira estava a condicionar durante a noite as operações no porto e no aeroporto do Funchal.

Na baía do Funchal, dois navios de cruzeiro, o AidaNova e o Marella Dream, estavam impedidos de sair para alto mar e prosseguir a sua rota devido ao vento e à forte agitação marítima. Por sua vez, os cruzeiros AidaStella e Mein Schiff 1 estavam impedidos de atracar, noticia o Jornal da Madeira.

Ao início da noite, o vento forte tinha também forçado três aviões a divergir para Porto Santo, Faro e Lisboa, de acordo com o que noticiava a Lusa.

Dos três voos afectados, dois eram provenientes de Inglaterra operados pela easyJet e um da TAP oriundo de Lisboa, sendo que os primeiros divergiram para Porto Santo e Faro, e o último regressou à capital portuguesa.