Pedro Neto, avançado do Wolverhampton, vai ser operado ao joelho e falhar o resto da temporada, o que significa que não será opção para Fernando Santos no Euro 2020. O jogador português saiu lesionado durante a primeira parte do jogo da passada sexta-feira, contra o Fulham, e o clube inglês anunciou agora a gravidade da situação.

“O Pedro Neto vai perder o resto da temporada da Premier League depois de sofrer uma lesão no joelho. O português saiu durante a primeira parte da vitória do Wolves contra o Fulham na noite de sexta-feira, antes de ser avaliado ao longo do fim de semana. Sofreu uma lesão significativa na rótula e, depois de uma consulta com um especialista em Londres, foi agendada uma cirurgia para o final da semana. Infelizmente, não é expectável que volte a jogar até à próxima época”, pode ler-se no comunicado do clube, onde é ainda revelado que Rúben Neves está infetado com Covid-19 e vai falhar as próximas jornadas.

O jovem avançado português, de apenas 21 anos, já reagiu à lesão através das redes sociais. “Mais um obstáculo que aparece e que vou ultrapassar como fiz com todos os outros. Serão meses difíceis longe do sítio onde mais gosto de estar mas vou recuperar da melhor maneira para voltar mais forte do que nunca, isso é garantido. Obrigado a todos pelas mensagens”, escreveu Pedro Neto, que esteve na última convocatória de Fernando Santos, para o triplo compromisso da Seleção Nacional no apuramento para o Mundial 2022.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Depois da saída de Diogo Jota para o Liverpool, no início da temporada, e da grave lesão de Raúl Jiménez, Neto assumiu-se como o grande destaque do ataque do Wolverhampton, com boas exibições e enorme influência nos golos da equipa de Nuno Espírito Santo — que, apesar de tudo, está a realizar uma época bem abaixo das expectativas. Atualmente, o avançado levava cinco golos em 35 jogos pelos ingleses, igualando o registo goleador que alcançou em 2019/20. Estreou-se com a seleção portuguesa no passado mês de novembro, marcando desde logo o primeiro golo na goleada no particular contra Andorra, e participou nas recentes partidas contra o Luxemburgo e o Azerbaijão.