Portugal

"Lamento profundamente". CEO da Zoom reconhece falhas de segurança

O CEO da Zoom, Eric Yuan, partilhou uma publicação no blogue da empresa onde pede desculpa à comunidade de utilizadores pelas vulnerabilidades de segurança da app e videoconferência.

“Reconhecemos que não estivemos à altura das expetativas de privacidade e segurança, não só nossas como da comunidade. Por isso, lamento profundamente”, pode ler-se na publicação.

A Zoom está atualmente a levar a cabo uma avaliação completa ao seu serviço de videoconferência e espera que, com o auxílio de especialistas externos, consiga corrigir todas as suas vulnerabilidades. De recordar que a app deixou de ser recomendada por empresas como a SpaceX e até por escolas no estado de Nova Iorque, EUA.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Football news:

The salary cap is a post-virus goal of UEFA and the Bundesliga boss. Here's how the limit works in MLS, Rugby and China
Kevin-Prince Boateng on playing in MLS: I will be Mohammad Ali, leading the people
Messi may not play with Mallorca due to adductor muscle discomfort
Alexey Miranchuk can move to Fiorentina (Betting Insider)
Henri on racism: Why is this still happening in 2020? We demand changes
The defender from Burkina Faso is the new star of the Bundesliga. With him, Bayer won 11 matches out of 13
Giroud about the quarantine: I am a modern father. I like to change Junior's diapers