Angola
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Donald Trump declara-se inocente em 34 acusações

O antigo Presidente americano Donald Trump deixou o tribunal de Nova Iorque minutos depois das 15 horas desta terça-feira, 4, e de se ter declarado inocente de 34 acusações criminais decorrentes de suborno pago a uma estrela de filmes pronográficos antes da eleição de 2016.

O juiz Juan Merchan disse que o processo pode começar em Janeiro de 2024, mas advogados doe Trump querem que a primeira audiência aconteça talvez em Dezembro.

Trump foi visto a sair do prédio e dirigu-se para a caravana de carros e moto que o aguardavam, mais de duas horas depois de chegar ao tribunal, com um olhar severo para os jornalistas que o esperavam.

As 34 acusações supostamente incluem o crime de conspiração e decorrem do suborno pago a Stormy Daniels durante a campanha eleitoral para manter o silêncio sobre um suposto caso entre os dois em 2006.

“Parece tão SURREAL – UAU, eles vão ME PRENDER”, postou Trump na sua plataforma social Truth Social enquanto se dirigia para o tribunal, concluindo:”Não posso acreditar que isso está acontecendo na América. MAGA!”

O republicano, duas vezes acusado de impugnação, é o primeiro Presidente ou ex-Presidente a ser acusado criminalmente.

Com as câmeras fora da procuradoria, onde se entregou, o ex-Presidente deve ter passado pelo procedimento padrão de registo de impressões digitais e foto.

Um grupo de apoiantes de Trump, liderados pela representante Marjorie Taylor Greene, em número bem menor do que esperado, protestaram contra o procurador de Manhattan, Alvin Bragg.

O antigo Presidente anunciou que irá pronunciar-se hoje à noite na sua residência na Flórida, ante vários apoiantes.

Por C/AFP