Brazil

Após prisão de Queiroz, ministro da Justiça é chamado ao Palácio do Planalto

O ministro da Justiça, André Mendonça, decidiu cancelar compromissos para comparecer à sede do governo federal horas após a prisão de Fabrício Queiroz

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Horas após a prisão de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro no Rio de Janeiro, o ministro da Justiça, André Mendonça, é convocado ao Palácio do Planalto. Mendonça cancelou compromissos para se dirigir no mesmo momento à sede do governo federal. A informação é do jornal Folha de S. Paulo.

Queiroz foi preso na manhã desta quinta-feira (18) em Atibaia, no interior de São Paulo. Ele estava no imóvel de Frederick Wassef, advogado de Flávio Bolsonaro. Policial Militar aposentado, Queiroz movimentou R$ 1,2 milhão em sua conta de maneira considerada "atípica" entre os anos de 2016 e 2017, segundo relatório do antigo Conselho de Atividades Financeiras (Coaf).

Queiroz estava em um imóvel de Frederick Wassef, advogado de Flávio Bolsonaro, e foi levado para unidade da Polícia Civil no Centro da capital paulista, onde deverá passar por exame de corpo de delito.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Football news:

Havertz told Bayer that he wanted to leave. Chelsea is ready to pay 70+30 million euros for it
Spartak-Lokomotiv: who will win?
Raphael Leau on the victory over Juve: All the Milan players fought for every ball
Griezmann will remain at Barcelona for the next season
Cristiano on the defeat by Milan: Keep your head up and keep working!
This is the best Milan in years: superkambekom with Juve (3 goals in 5 minutes!) saved the intrigue in Serie A
Zlatan Ibrahimovic: I am the President, player and coach! If I had been in Milan since the start of the season, we would have taken the scudetto