Brazil

Cogestão será suspensa no RS a partir de sábado; municípios terão que cumprir restrições previstas no plano estadual

O governo do Estado anunciou que todas as regiões do Rio Grande do Sul entrarão em bandeira preta, a partir de sábado (27)

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sul21 - O governo do Estado anunciou que todas as regiões do Rio Grande do Sul entrarão em bandeira preta, a partir de sábado (27). O Executivo também decidiu suspender o mecanismo de cogestão do Modelo de Distanciamento Controlado. Assim, todos os municípios são obrigados a seguir as regras e protocolos estabelecidos para regiões de risco altíssimo de contágio – sem possibilidade de flexibilização. Com a definição, comércios e serviços não essenciais ficarão fechados e os demais setores econômicos atuam com restrição. Leite também confirmou que a restrição de atividades entre 20h e 5h será mantida na próxima semana. As decisões serão válidas até o dia 7 de março.

Em live realizada no fim da tarde, Leite reafirmou o momento crítico enfrentado pelo Rio Grande do Sul, citando a explosão de casos confirmados, a superlotação dos hospitais e o número recorde de mortes dos últimos dias. O governador rebateu as críticas de que o problema poderia ser enfrentado apenas com a expansão do sistema de saúde, especialmente com a criação de novos leitos de UTIs e mencionou estatísticas que apontam o número alto de óbitos de pacientes internados nas unidades: 60%. “Mesmo que houvesse uma capacidade infinita de estrutura hospitalar, não seria capaz de salvar a vida de todas as pessoas”.

Leite salientou a necessidade de restringir ao máximo a circulação de pessoas em todos os setores e disse que não é preciso apontar culpados para enfrentar o momento crítico. “A questão objetiva é restringir a circulação ao máximo”, afirmou. Durante a live, o governo também apresentou dados do estudo Epicovid19, realizado em parceria do Executivo com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel). A pesquisa aponta que 10% da população gaúcha já teve contato com o vírus. “Estamos muito longe da imunidade de massa. Reduzir a circulação do vírus é uma forma de evitar que novas variantes circulem”, disse Leite.

Apesar das restrições anunciadas, as aulas presenciais da educação infantil e do 1º e 2º ano do ensino fundamental estão mantidas. Em Porto Alegre, o Sindicato dos Municipários obteve uma liminar na Justiça impedindo a realização de aulas presenciais em decorrência da classificação de bandeira preta na Capital.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Football news:

Guardiola about the Champions League: You work for 10 months, and you are judged by one game. You fly out - the season is recognized as a failure. Unfair
Tony on Ronaldo throwing the shirt: A great champion should set an example. I am not impressed with his attitude to the team
3-4 microphones on the players will make football more exciting. Interview with an American who has been changing the sound of the Olympics for 25 years
Barcelona are looking for a left-handed central defender. The club is Interested in Romagnoli, Martinez from Ajax and Senesi from Feyenoord
Rice is Interested in a move to Manchester United. West Ham midfielder asked about the club from Maguire and Shaw
Leipzig will request 15-20 million euros for Nagelsmann in case of an appeal from Bayern
Dortmund coach Terzic on City's penalty shootout: We were clearly told that it was not considered a violation of the rules