Crédito: Reprodução/ Band TV

Datena (Crédito: Reprodução/ Band TV)


Datena mostrou toda a sua revolta com a atual situação financeira do Brasil. Na quinta-feira (15), durante a apresentação de seu programa “Brasil Urgente”, da Band, o apresentador, muito exaltado e nervoso, fez criticas sobre o aumento no preço dos combustíveis e no setor alimentício.

“Aumentou a gasolina de novo? Que canalhice! Essa coisa vai estourar. Não vai dar certo isso. As pessoas não tem dinheiro pra botar combustível. Quem pode se virar vai pro transporte público, mas aí corre risco de morrer com condução lotada com 14 milhões de pessoas dentro do transporte coletivo. Não tem cabimento uma coisa dessa. É só no nosso?”, disparou ele.

O comunicador ainda  completou: “Aumento de gasolina de novo… O aumento do diesel vai direto pro preço do alimento. O sujeito não tem mais o que comer, ainda mais com o dinheiro do auxílio desse Paulo Guedes de R$250. O que vai adiantar? Daqui a pouco nem chuchu vai poder comer. Carne é coisa que o cara só vê na novela ou em comercial de TV. Por que vocês não vão…? Foi isso mesmo que você pensou! Que barbaridade…”.

Nesta semana, Datena alfinetou o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (sem partido) ao noticiar a ligação entre Bolsonaro e o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO). Na ocasião, ele afirmou que Bolsonaro “agrediu a democracia”. “Hoje de manhã, o Bolsonaro saiu lá da porta do Palácio e disse ‘olha, como é que pode gravar o Presidente da República? Não tem cabimento gravar, só com autorização judicial em alguns casos…’ O Kajuru diz que ele sabia que estava sendo gravado. Eu questionei e achei estranho isso”.

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade