Brazil

Pesquisadores brasileiros podem ter descoberto cura da AIDS

Um paciente que convivia com o vírus há sete anos foi curado pela equipe; próxima fase do estudo será conduzida com 60 pessoas

Pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) podem ter descoberto a cura da AIDS.

Um estudo, que começou em 2013, realizado pela instituição e coordenado pelo infectologista Ricardo Sobhie Diaz foi feito em escala global a fim de testar um novo tratamento em pessoas contaminadas pelo HIV.

Com ele, os pesquisadores conseguiram eliminar o vírus de uma pessoa que convivia há sete anos com a doença. 

A pesquisa foi feita com 30 voluntários que tinham carga viral indetectável de HIV. Todos os pacientes estavam em tratamento há mais de dois anos.

A equipe da Unifesp usou um misto de medicamentos, substâncias que matam o vírus da AIDS e uma vacina produzida com o DNA de cada pessoa que faz com que o sistema imunológico reaja e encontre as células infectadas. São quatro drogas administrados pelos pesquisadores, além da vacina. 

“A gente intensificou o tratamento. Usamos três substâncias no estudo, além de criar uma vacina”, disse o pesquisador em entrevista à rede de televisão CNN Brasil.

Atualmente paralisado devido à pandemia do coronavírus, o estudo deve contar ainda com mais uma fase, que incluirá o dobro de pessoas. 

Football news:

Juventus are seriously Interested in Atletico midfielder Thomas
Champions League format for Atletico: Simeone's team is still an underdog, but now they have the best chance
Atletico claims the goalkeeper of the national team of Serbia and Eibar Dmitrovic, compensation – 20 million euros
The FA Cup will be held without replays in the 2020/21 season, and there will be one match in the 1/2 final of the League Cup
Ronaldo's entourage denied the option of moving to Barcelona. Cristiano is happy at Juventus
Matuidi moved to Inter Miami Beckham
Morata is one of Juve's candidates for the forward position