Brazil

Preço dos aluguéis sob pressão com IGP-M de quase 30% em 12 meses

 (crédito: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)

(crédito: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)

Quem mora de aluguel está preocupado — e tem motivos para isso. O Índice Geral de Preços — Mercado (IGP-M), usado no reajuste anual de boa parte dos contratos de locação, subiu 28,94% nos últimos 12 meses, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV), responsável pelo cálculo.

Para especialistas do mercado imobiliário, um aumento desse tamanho é pesado demais para os inquilinos, ainda mais neste momento de crise e perda de renda. Mas os proprietários também podem se prejudicar no caso de rescisão do contrato, pois ficarão sem o rendimento. Por isso, o conselho é que as partes negociem um acordo.

“No Brasil, o custo de moradia já beira 30% (da renda). O que deve existir é sempre um encontro de interesses, os inquilinos conversarem com os proprietários e, dentro da realidade, ver o que é passível de mudança”, disse o CEO da Sindona Incorporadora, Bruno Sindona.

Ele observa que a alta do IGP-M decorre de fatores como a escassez de produtos durante a pandemia. “Na construção civil, por exemplo, o ferro subiu quatro vezes o valor, porque as empresas pararam de produzir, os estoques foram acabando, as pessoas precisavam tocar as obras e assim, os preços disparam”, afirma. Outro fator que também influenciou foi a alta do dólar e de itens que são afetados pela moeda, como a gasolina. “Somado a isso, há muita pressão de demanda, pois muita gente precisou mudar de casa, de espaços maiores, o que auxiliou o aumento nos aluguéis.”

Dário Ferraço, sócio da SF Consultoria Imobiliária, também recomenda a negociação de um reajuste mais em conta. “Se um inquilino é bom e mantém os pagamentos em dia, é interessante para o proprietário que ele permaneça no imóvel”, explicou.

O professor, Matheus Nascimento, 23 anos, mora com a esposa e a filha em Santa Maria e, em três anos no mesmo apartamento, não sofreu nenhum aumento, ao contrário de outros moradores do condomínio. “Negociei com a proprietária do imóvel, pois não teria condições de arcar com o aumento total do aluguel”, disse.

* Estagiária sob supervisão de Odail Figueiredo

Football news:

Neymar: I owe Mbappe the adaptation in France and the joy of being here
Joao Felix was injured again. He will miss 10 days
The Bundesliga said goodbye to Monday's matches with Hoffenheim and Bayer zeros. Their cancellation was sought by fans
Mino Raiola: Borussia do not want to sell Holand in the summer. I respect this position, but this does not mean that I agree with it
Alexander Golovin: I enjoy giving such programs. This is my job
West Brom have scored 8 goals in their last 2 matches. For the previous 10 games, only 6 goals were scored
VAR did not count West Brom's goal for offside. Although the author of the goal was probably in the right position