Brazil

Produtor do Globo pediu 'nudes' à estudante para colocá-la no BBB

A estudante de odontologia Aline Vargas, de 35 anos, denunciou um produtor da Globo por assédio sexual após ele pedir nudes para ela em troca de uma suposta indicação ao Big Brother Brasil 22 (BBB). O boletim de ocorrência, de acordo com o Uol, foi aberto na Delegacia da Mulher, de Belo Horizonte, no dia 23 de maio deste ano.

Após a denúncia, o inquérito foi instaurado pela Polícia Civil de Minas Gerais, que apura o envolvimento de um segundo produtor no caso. 

No documento, divulgado pelo Uol, Aline alega que, em janeiro deste ano, durante o processo para entrar no "BBB 22", o produtor do programa pediu fotos nuas como condição para avançar para a próxima fase da seletiva. A mineira já havia tentado participar do "BBB 21", mas não exitou.

De acordo com o boletim de ocorrência:

"O autor disse que deveriam ter mais fotos sensuais. 'Gostosa de biquíni'. A vítima disse que não teria fotos de biquíni. O autor então pediu fotos nuas: 'Me envia uma foto pelada'. A vítima desviou o assunto, porém ele insistiu para que ela enviasse uma foto 'pelada e sexy'. Que a vítima com medo de perder a oportunidade, tentou responder de forma a dissuadi-lo daquela ideia. (...) O autor enviou a seguinte mensagem para a vítima: 'Bom dia, você tem poucas chances, você é casada, não é um perfil que agrada, boa sorte'."

Em contato com o Uol, Aline disse que a demora para levar o caso à polícia ocorreu por conta ter ficado mal com a situação. "Quando sofri o assédio, fiquei em estado de choque, chorando muito e sofrendo muito, meu marido pediu para eu ter calma", revelou.

"Resolvi denunciar assim que minha ficha caiu e estava um pouco melhor. Sempre fui feminista e ativa, criei coragem e denunciei mesmo. Tenho certeza que existem várias e vários que passaram por isso, porém nunca denunciaram por medo, pois vivemos em uma sociedade onde a vítima é questionada e não o assediador", analisou.

Funcionário foi demitido
A Globo informou, por meio de nota, que o funcionário acusado por Aline foi demitido após o caso vir à público.

"O colaborador em questão não está mais na empresa. Aproveitamos para reiterar que temos um Código de Ética, que deve ser seguido por todos nossos colaboradores, e uma ouvidoria pronta para receber quaisquer relatos de violação ao Código. Todo relato é apurado criteriosamente assim que a empresa toma conhecimento e as medidas necessárias são adotadas", diz a emissora.

Football news:

Smertin recalls Euro 2004: he almost fought in the joints, defended against the young Cristiano and understood the excitement of the Bridge
Gareth Southgate: We shouldn't be football snobs. In matches with top teams, diversity is important
Leonid Slutsky: I am still sure that the Finnish national team is the outsider of our group. They were very lucky against Denmark
I'm not a racist! Arnautovic apologized for insulting the players of the national team of North Macedonia
Gary Lineker: Mbappe is a world-class star, he will replace Ronaldo, but not Messi. Leo does things that others are not capable of
The Spanish fan has been going to the matches of the national team since 1979. He came to the Euro with the famous drum (he could have lost it during the lockdown)
Ronaldo removed the sponsored Coca-Cola at a press conference. Cristiano is strongly against sugar - does not even advertise it