Brazil

Rossi marca golaço, Bahia vence o Santos e vai à Sul-Americana

A temporada 2020 passou longe da expectativa criada pelos tricolores, mas o Bahia conseguiu encerrar ciclo da melhor maneira possível. O triunfo sobre o Santos, por 2x0, na noite desta quinta-feira (25), pela última rodada do Brasileirão, garantiu ao Esquadrão uma vaga na Copa Sul-Americana de 2021.

A classificação foi possível graças aos gols anotados por Rossi, no primeiro tempo, e Ason, no segundo, combinados com a derrota do Sport para o Athletico-PR, por 2x0, na Arena da Baixada. O duelo com o alvinegro marcou ainda a despdida do volante Gregore, que após três anos no clube foi negociado para o futebol dos Estados Unidos. 

O tricolor encerra a Série A na 14ª colocação, com 44 pontos. O clube agora foca na temporada 2021, que além da Sul-Americana tem no calendário o Campeonato Baiano, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série A.  

Golaço de Rossi
O tricolor entrou em campo com o mesmo time que goleou o Fortaleza por 4x0, no Castelão, e não demorou para balançar as redes.

Aos 11 minutos, Rossi recebeu lançamento de Rodriguinho e saiu de cara com João Paulo. O atacante chutou forte, mas o goleiro fez boa defesa.

João Paulo só não segurou quando aos 14 minutos Rodriguinho cobrou escanteio, Gregore raspou de cabeça e Rossi mandou um bonito voleio para abrir o placar. Golaço do camisa 11.

Depois do gol, o Bahia passou a buscar o contra-ataque e levou alguns sustos. Pelo alto, Arthur Gomes criou duas boas oportunidades para o alvinegro. Já o volante Vinícius Balieiro, com o gol vazio, mandou para fora.

Do outro lado, o tricolor quase ampliou quando Matheus Bahia cruzou e Gilberto chegou escorando. A bola passou perto da trave de João Paulo.

Pouca emoção


O Bahia voltou do intervalo com o mesmo time e, assim como na primeira etapa, levou certo calor do alvinegro nos minutos iniciais. Aí o Esquadrão avançou as linhas e tentou controlar o jogo no meio-campo.

Buscando as laterais como válvula de escape, o tricolor quase chegou ao segundo gol quando Rodriguinho recebeu de Rossi e soltou a bomba. João Paulo fez a defesa e no rebote, o próprio Rodriguinho completou, mas a bola parou na zaga.

O Bahia voltou a assustar quando Rossi descolou bom lançamento. Dessa vez Matheus Bahia recebeu livre, mas errou na finalização.

Num segundo tempo de pouca emoção, o jogo passou a ficar travado a partir dos 30 minutos. Para tentar colocar velocidade, Dado colocou os atacantes Alesson e Thiago nas vagas de Gilberto e Rossi. Deu certo. 

Aos 45 minutos, Juninho Capixaba desceu bem pela esquerda e cruzou para Alesson, o atacante chegou dividindo com o marcador, mas mandou para as redes, garantiu a vitória tricolor e a vaga na Copa Sul-Americana. 

FICHA TÉCNICA
Bahia 2x0 Santos - 38ª rodada do Brasileirão
Estádio: Fonte Nova (Salvador)
Gols: Rossi, aos 14 minutos do 1º tempo, e Alesson, aos 35 do 2º tempo
Arbitragem: Paulo Roberto Alves Junior, auxiliado por Sidmar dos Santos Meurer e  Rafael Trombeta (trio do Paraná).

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Gregore, Ronaldo (Ramon) e Patrick de Lucca; Rossi (Alesson), Gilberto (Thiago) e Rodriguinho (Daniel). Técnico: Dado Cavalcanti.

Santos: João Paulo, Fernando Pileggi (Gabriel Pirani), Luiz Felipe, Alex e Wagner Palha; Vinícius Balieiro, Sandry (Tailson) e Jean Mota (Ivonei); Arthur Gomes (Allanzinho), Bruno Marques e Ângelo (Lucas Lourenço). Técnico: Marcelo Fernandes.

Football news:

Ancelotti's 2-2 win over Tottenham: One of Everton's best home games. The fate of entering the European Cup will be decided in the last game
Mourinho on Pogba's words about him: I don't care what he says. Not Interesting
Mourinho on Everton penalty: No comment. Having experience, I just laugh at such moments
Kane came out on the 7th place in the list of the best scorers of the Premier League. He has 164 goals
Yaya Toure sent Guardiola a letter of apology: I am waiting for a very long time for a response
Marcelino on the Spanish Cup: You can't win against Barca without suffering. They are used to winning finals
Koeman on the future: It's strange to have to answer such questions. We had a 19-match unbeaten streak