Brazil

Sobre a relação entre religião e política

A atual catástrofe que se abateu sobre nós (a pandemia moral) não pode ser compreendida e superada sem se considerar o voto e a vontade dos crentes no Brasil. Eles deram os 10 milhões de votos que elegeu o Anticristo, e continuam dando sustentação ao seu projeto político, numa política de intolerância, preconceito, estigmatização e violência

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Não sou religioso ou crente de nenhuma igreja. Mas não sou insensível ao impulso religioso que comanda o voto e a consciência dos eleitores. Moro numa cidade dominada pelas igrejas evangélicas, que concorrem entre si pelos fiéis. As vezes, elas têm de alternar os cultos para não prejudicar o seu oficio religioso. O prefeito da cidade é crente, ligado à Assembléia de Deus. Nas principais avenidas, há cartazes falando da vitória sobre o comunismo e o Brasil para Cristo.

E aí, num curso de Doutorado em Direito, surge uma pergunta o que leva os crentes a votar em Jair Messias Bolsonaro e nos candidatos de direita ou extrema-direita? É a fé ou o dinheiro?- Mas acontece que a fé anda junto com o dinheiro. Desde a "Ética protestante e o espírito do capitalismo", de Max Weber, entendemos como a visão de mundo religiosa é importante para o desenvolvimento do mercado, da propriedade privada, da acumulação de capital e os negócios. Ora. Veja o que se passa no Brasil. O que a chamada "teologia da prosperidade" não vem fazendo com a cabeça e o coração dos fiéis das igrejas pentecostais e neopentecostais, em comunidades pobres e desassistidas de qualquer atenção pelo Estado?

Agora a pouco, uma crente pentecostal abjurou o papa porque ele aproximou o crucifixo e um símbolo que parece ser o do comunismo. Mas é de se perguntar qual é a modalidade de Cristianismo abraçada por esses fiéis? a Igreja dos ricos, dos prósperos e empreendedores capitalistas (garotos propaganda da Igreja Universal). O Cristianismo é mais amplo e plural do que se imagina. Há muitos cristianismos e cristãos. Há também uma igreja dos oprimidos, dos pobres, humilhados, espoliados e sem reconhecimento de cidadania alguma. Talvez estes estejam mais próximos do Cristianismo primitivo do que esses outros, oriundos da reforma de Martinho Lutero ou Calvino. Companheiros de viagem, e de luta, pessoas de boa vontade esses cristãos ajudam muito ao avanço da sociedade em direção à justiça, a igualdade e a cidadania.

A atual catástrofe que se abateu sobre nós (a pandemia moral) não pode ser compreendida e superada sem se considerar o voto e a vontade dos crentes no Brasil. Eles deram os 10 milhões de votos que elegeu o Anticristo, e continuam dando sustentação ao seu projeto político, numa política de intolerância, preconceito, estigmatização e violência. A espada uniu-se à fé retrógada, entre nós, e produziu um hibrido de cruzada cívico-religiosa.

E a mistura de judaísmo e cristianismo reformado dá nessa religião da guerra, da intolerância, do desrespeito. Quem não está conosco, é nosso inimigo. Merece ser exterminado."

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Football news:

Goodbye, Dad Buba Diop. Thanks to you, I lived the most memorable tournament of my childhood
Nuno about 2:1 with Arsenal: We played amazing, very proud. Jimenez recovered
Arsenal scored 13 points in 10 opening matches - the worst result in 39 years
West Brom can be bought by us investors. The Chinese owner of the club wants 150 million pounds
Lampard on Mourinho's words about ponies: You have Kane, Son, bale and alli. We are all fighting to win the Premier League
Mourinho on winning the Premier League: Tottenham are not in the race, because we are not a horse, but a pony
Laurent Blanc: I will return to football, but in children's. Now coaches are being asked to increase the cost of players, I don't like it