Brazil

Sociedade Brasileira de Física diz que nova presidente da Capes é desqualificada para o cargo

Nova presidente da Capes, Cláudia Mansani Queda de Toledo coordena curso de mestrado que tirou nota 2 e foi descredenciado pela própria Capes. "Esperamos que o Ministério da Educação reveja a nomeação e indique alguém com histórico profissional e formação mais adequados", diz a entidade dos físicos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A nomeação de Cláudia Mansani Queda de Toledo para a presidência da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) pelo governo de Jair Bolsonaro está recebendo críticas da comunidade acadêmica. 

Em nota divulgada nesta sexta-feira (16), a Sociedade Brasileira de Física apontou que Cláudia Toledo obteve seu doutorado em 2012 pela Instituição Toledo de Ensino, onde é reitora, e teve um curso de pós-graduação descredenciado pela própria Capes em 2017 por não ter atingido a nota mínima para continuar em funcionamento. 

"Em suma, o currículo da Dra. Toledo não é compatível com o perfil desejado de presidentes da CAPES. Tememos, portanto, que a importante missão da CAPES esteja ameaçada com esta nomeação. Esperamos que o Ministério da Educação reveja a nomeação e indique alguém com histórico profissional e formação mais adequados para presidir a CAPES, garantindo assim a continuidade da formação de recursos humanos de alto nível, tão necessária para o desenvolvimento e soberania nacional", afirma a Sociedade dos Físicos. 

Leia, abaixo, a nota na íntegra:

Nota em defesa da CAPES

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), fundada em 1951, tem um papel fundamental na formação de recursos humanos de alto nível no Brasil. A CAPES é o órgão responsável por cadastrar, fiscalizar, financiar e avaliar os cursos de pós-graduação de todas as áreas e instituições do Brasil. A CAPES também atua na  indução e coordenação de acordos internacionais de pós-graduação. Não há dúvidas que o exitoso sistema de avaliação criado pela CAPES é o principal responsável pela melhoria da pesquisa e da inovação tecnológica no Brasil. 

A presidência desta instituição deve ser ocupada por pessoas com respaldo no meio acadêmico e com profundo conhecimento dos sistemas de pós-graduação nacional e internacional. É fundamental que o (a) presidente da CAPES tenha experiência na gestão de programas de pós-graduação de excelência, que conheça outras áreas de conhecimento além da sua especialidade, que tenha coordenado importantes projetos científicos e que tenha formado recursos humanos de alto nível.

Por isso, causa-nos profunda consternação a recente demissão sumária de Benedito Guimarães Aguiar Neto e a nomeação da advogada Cláudia Mansani Queda de Toledo para substituí-lo na presidência da CAPES. Uma análise de seu currículo disponível na Plataforma Lattes mostra que a indicada não possui as qualidades esperadas para o cargo. 

A Dra. Toledo obteve seu doutorado em 2012 pela Instituição Toledo de Ensino (hoje Centro Universitário de Bauru), sediada em Bauru (SP). Consta no Curriculum Lattes que ela é atualmente a reitora desta instituição e que foi coordenadora de pós-graduação entre 1994 e 2000, ou seja, foi coordenadora de pós-graduação antes de ser doutora. Não consta em seu Curriculum Lattes onde obteve sua graduação, também não apresenta nenhuma experiência internacional, sua produção acadêmica é escassa e tem pouquíssima experiência com formação de recursos humanos - de fato sequer concluiu uma orientação de doutorado. Apesar de ser reitora desta instituição, seu endereço profissional é o do escritório de advocacia Queda e Toledo Sociedade de Advogados, da qual é sócia.

O Centro Universitário de Bauru possui apenas um curso de pós-graduação - o de Sistema Constitucional de Garantia de Direitos - o mesmo no qual a indicada obteve seu doutorado. Na última avaliação da CAPES, esse programa obteve nota 2 no âmbito acadêmico que foi mantida após recurso; isso implicaria em seu fechamento. De acordo com sua página na internet, desde seu credenciamento em 2007, este programa formou poucos doutores e sua abrangência não passa da região da cidade de Bauru. O Centro Universitário de Bauru é de propriedade da família da Dra. Toledo e foi onde o atual Ministro da Educação, Dr. Milton Ribeiro, graduou-se em direito em 1990.

Em suma, o currículo da Dra. Toledo não é compatível com o perfil desejado de presidentes da CAPES. Tememos, portanto, que a importante missão da CAPES esteja ameaçada com esta nomeação. Esperamos que o Ministério da Educação reveja a nomeação e indique alguém com histórico profissional e formação mais adequados para presidir a CAPES, garantindo assim a continuidade da formação de recursos humanos de alto nível, tão necessária para o desenvolvimento e soberania nacional.

Diretoria da Sociedade Brasileira de Física

Fórum Nacional de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Física e Astronomia

Sociedade Astronômica Brasileira 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Football news:

Griezmann spoke with Hamilton and visited the Mercedes boxes at the Spanish Grand Prix
Barcelona feels that Neymar used it. He said that he wanted to return, but extended his contract with PSG (RAC1)
Aubameyang to the Arsenal fans: We wanted to give you something good. I am sorry that we could not
Atletico did not lose at the Camp Nou. Busquets' injury is the turning point of the match (and the championship race?)
Verratti injured his knee ligaments in PSG training. Participation in the Euro is still in question
Neymar's contract in one picture. Mbappe wants the same one
Manchester United would like to sign Bellingham in the summer, not Sancho. Borussia do not intend to sell Jude