Brazil

Submisso a Trump, Bolsonaro comemora independência dos Estados Unidos

Jair Bolsonaro decidiu humilhar os brasileiros neste 4 de Julho, ao comemorar na embaixada americana a independência dos Estados Unidos, país ao qual ele subordina o Brasil transformado por ele em colônia

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Acompanhado de ministros do governo, Jair Bolsonaro almoçou com o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman, na casa do diplomata, para celebrar a Independência dos EUA, comemorada neste sábado, 4 de julho.

Uma foto do evento foi postada nas redes sociais de Bolsonaro, que mencionou a data. O chanceler Ernesto Araújo também postou a imagem com a seguinte mensagem: “Na Embaixada dos EUA, celebrando o 4 de julho, dia da independência americana”.

Estão presentes na foto, além do ministro das Relações Exteriores, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, e os ministros Braga Netto (Casa Civil), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Fernando Azevedo (Defesa).

O evento reafirma a subordinação do governo brasileiro a Donald Trump. O almoço ocorreu após Bolsonaro sobrevoar áreas afetadas pelo chamado ciclone-bomba em Santa Catarina neste sábado.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Football news:

Nuno about 0:1 with Sevilla: Disappointment. Wolverhampton conceded too often in the final minutes
Immobile about Newcastle: They called my agent when the sheikhs bought the club
Liverpool are confident they will sign Tiago. The player has already agreed a contract and is pressing Bayern
Our judging = fear and helplessness. Instead of Kaloshin and Kashshai – a soulless system that does not care
Lothar Matteus: Messi is not enough to pass such a Bayern. I am not afraid of Barca
Thomas Tuchel: Mbappe will play Atalanta if nothing happens
Lille acquired 20-year-old forward David from Gent. He is the best sniper of the CONCACAF Cup