Brazil

Tá liberada a compra de votos e as fakes news nas eleições

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Não é de hoje que as notícias de compras de votos em eleições no Brasil ocorrem. No passado não muito distante, a imprensa falava sobre isto eleições após eleições sempre se referindo ao Nordeste do país como sendo a região onde acontecia. Era como uma chaga a ser exposta para todos verem o quanto o povo dessas terras seriam atrasados. Venderiam seus votos por comida.

E a bem da verdade, ocorria e continua a ocorrer este sistema que, já institucionalizado, sempre ocupou todo o país. A chaga não é regional, ela está impregnada em todo o Brasil. De Norte a Sul, de Leste a Oeste, há notícias com provas documentais da compra de votos postadas em redes sociais, e na imprensa. Aquela imprensa séria, ainda resiste em informar corretamente.

A coisa foi tão descarada no primeiro turno que, se confirmadas todas as denúncias existentes, podemos afirmar que quadrilhas de bandidos eleitos vão assumir câmara de vereadores e prefeituras em quase todas as cidades brasileiras.

Cimento, cesta básica, colchões, bicicletas e dinheiro vivo foram moedas de troca por votos. Mas se há o político que compra, há também o eleitor bandido que vende o voto. A coisa é tão safada que o cabra, em todo o Brasil, vende, entrega e passa recibo. Que consiste em tirar foto ou fazer um vídeo do momento de sua votação para comprovação junto ao político meliante.

E se não bastasse à compra de votos, outra forma de fraudar as eleições, que está institucionalizada, são as chamadas Fake News, que no bom e velho português nada mais, nada menos, são falsas notícias disseminadas contra candidatos, geralmente da esquerda com desinformações, quase sempre envolvendo o tema religioso.

Já tivemos a mamadeira de piroca, o kit gay e agora, quando é contra uma candidata, o material vem com “aborteira”, “quer queimar a bíblia”, “sapatona” e muitos outros que envolvam questionamentos religiosos. Como se cada uma dessas mulheres defendessem algo assim.

As postagens, e distribuição de materiais com conteúdos agressivos contra candidatos e candidatas da esquerda, tem um alvo específico que é o público evangélico. E mostram que estão logrando êxitos com suas ações. Casos como das candidatas Marília Arraes (PT) no Recife e Manuela D´Avila PCdoB) em Porto Alegre, Boulos em São Paulo (Psol) e do candidato a prefeito em Feira de Santana (PT), Zé Neto, mostram que há algo muito errado e que precisa de um concerto e do candidato a prefeito em Feira de Santana (PT), Zé Neto, mostram que há algo muito errado e que precisa de um conserto.

Em São Paulo tem vídeo mostrando a distribuição de cestas básicas com carro de som do candidato Bruno Covas. É a prostituição do sistema eleitoral ao vivo e cores e nada foi feito, e nada parece indicar que será feito. Ele será diplomado, mesmo com todas as provas existentes?

Tudo isto acontecendo por todo o Brasil e a Justiça Eleitoral anestesiada não consegue realizar o seu trabalho, que é o de manter o pleito eleitoral dentro das regras do jogo.

Enquanto candidatos e candidatas eram atacados em pleno horário eleitoral, os Tribunais Regionais Eleitorais levavam dias para dar um direito de respostas. Quando o estrago já estava feito. Ruas eram invadidas por pessoas distribuindo matérias apócrifas contra Marília, e nada foi feito que pudesse impedir. O silêncio culposo é ensurdecedor.

Se todos e todas que, mesmo com todas as informações públicas de compra de votos e distribuição de falsas notícias, assumirem mandatos em câmaras de vereadores e prefeituras, a justiça eleitoral brasileira terá sido cúmplice de todos os delitos praticados por bandidos durante as eleições de 2020.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Football news:

Berbatov on Bale: He will be returned to Real Madrid if he does not start to show the level that Mourinho expects
Pogba's time at Manchester United is running out again. The club did not buy a top player, but a beautiful story for social networks, Paul lost the battle for influence to Brun
Roma made an extra substitution in the Italian Cup match. The club faces a technical defeat
The Premier League is investigating the transfer of Snodgrass to West Brom. West Ham banned him from playing against them at the sale
Football has broken into Fortnite. The game will host the Pele Cup, add the uniforms of Man City, Juventus and Milan, and a legendary celebration
Shalimov about Miranchuk: Atalanta is an ideal team for him. Don't go anywhere
Agent about Wendel in Zenit: A risky deal, may not be justified