Cape Verde
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

Retratação Pública de Carlos Alberto Gomes Duarte Lopes

Carlos Alberto Gomes Duarte Lopes pede desculpas públicas ao Ministro da Economia Marítima, assim como aos membros do Conselho de Administração da extinta AMP, por lhes ter chamado “Irresponsáveis e criminosos”. Em causa o artigo publicado aqui.

Eu, Carlos Alberto Gomes Duarte Lopes, colaborador do atual Instituto Marítimo Portuário (IMP), que substituiu a extinta Agência Marítima Portuária (AMP), nos termos do decreto-lei 38/2018, com as funções de Inspetor Marítimo, venho, publicamente, e sem reservas, pedir desculpas pelas acusações injuriosas e infundadas proferidas num comício realizado no dia 13 de Janeiro do ano de 2018, na Praça D. Luís, repetidas no jornal à Nação, de 15 de Janeiro de 2018, contra o então Ministro da Economia Marítimo e aos membros do Conselho de Administração da extinta Agência Marítima Portuária.

Mostro-me arrependido de os ter chamado de “irresponsáveis e criminosos”, e reconheço que tudo aquilo que fizeram foi feito dentro da legalidade e em cumprimentos das orientações superiores.

Assim, pelas ofensas proferidas contra a honra, dignidade e o bom nome dos ofendidos, pede desculpas publicamente.

Os ofendidos aceitaram o pedido de desculpas, formalizado perante a Procuradora responsável pela instrução do processo, e, na sequência, desistiram do processo-crime que corria termos na Procuradoria da República.

Carlos Alberto Gomes Duarte Lopes

PUB