Portugal

Governo dos Açores diz que processo de vacinação contra a Covid-19 tem "corrido muito bem"

O presidente do Governo dos Açores, José Manuel Bolieiro, disse esta quarta-feira que o processo regional de vacinação contra a covid-19 tem "corrido muito bem", apesar de existir "uma coisa ou outra" que poderá ter falhado.

"Em qualquer processo há sempre uma coisa ou outra que pode falhar, mas não se pode fazer da exceção a regra. Eu quero aqui enaltecer a regra: é que o processo tem corrido muito bem", declarou Bolieiro aos jornalistas.

O líder do executivo açoriano, de coligação PSD/CDS-PP/PPM, falava hoje no centro de vacinação contra a covid-19 em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel.

Bolieiro avançou ter recebido "testemunhos diretos" que "dão nota da excelência da organização e do bom tratamento" nos centros de vacinação nos Açores: "eu vou ao sítio e oiço testemunho direto e tenho por isso plena confiança", assinalou.

O social-democrata disse ainda ter a "expectativa" de que seja aumentado de 10 para 12 os espaços de inoculação nas Portas do Mar, uma vez que as "vacinas estão a chegar" e a logística "está a adaptar-se".

"Vamos agora trabalhar com dedicação e cooperação no reforço dos profissionais para corresponder a esta oportunidade. O nosso objetivo é a máxima vacinação possível de acordo com as vacinas ao dispor", afirmou.

Aproveitando o Dia Internacional do Enfermeiro, que se comemora hoje, José Manuel Bolieiro enalteceu o trabalho daqueles profissionais e destacou que o Orçamento da região para 2021 pretende "acabar com o subfinanciamento crónico" dos hospitais da região e "dignificar carreiras de e na saúde".

O presidente do Governo dos Açores indicou ainda que está "em processo" a criação de um "grupo de trabalho" para a "operacionalização do enfermeiro de família" nos Açores.

Questionado sobre os festejos dos adeptos do Sporting, que formaram ajuntamentos em várias ilhas açorianas numa altura de pandemia, Bolieiro apelou ao cumprimento das regras de segurança e realçou que a região está a registar uma diminuição do número de casos de covid-19.

"A indicação que temos é que neste período temos registado uma diminuição de positivos, com os níveis de recuperação a diminuir o número de ativos na região e em particular na ilha de São Miguel", disse.

Em 07 de maio, o secretário da Saúde do Governo dos Açores, Clélio Meneses, assumiu a "desorganização" que tem decorrido na vacinação contra a covid-19 na região, mas realçou que estão a ocorrer tentativas de "sabotagem" ao processo.

No dia anterior, o titular da pasta da Saúde revelou que apareceram no posto de vacinação das Portas do Mar várias "pessoas que tinham sido contactadas" indevidamente por parte da Câmara de Ponta Delgada para serem vacinadas.

As declarações levaram a Câmara Municipal de Ponta Delgada a negar responsabilidades na falsa convocação de pessoas para a vacina contra a covid-19, afirmando que um utente foi contactado pelo município, "mas esse contacto nada teve a ver com a vacinação".

Antes, em 27 de abril, o secretário da Saúde dos Açores tinha determinado a abertura "de processos disciplinares e de um inquérito para o cabal apuramento" de uma alegada vacinação indevida no centro de inoculação de Ponta Delgada, em São Miguel.

A região conta com um total de 200 casos positivos, 185 dos quais em São Miguel, oito nas Flores, cinco na Terceira e dois em Santa Maria.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 5.099 casos, tendo recuperado da doença 4.746 pessoas e falecido 31.

Football news:

Scotland coach Clarke: There were a lot of good moments during the group stage, but no points scored
England are the most boring group winners in history. Two goals were enough! And at the World Cup, the Italians once became the first even with one
Dalic - to the fans after reaching the Euro playoffs: You are our strength, and we will be your pride
Modric became the youngest and oldest goalscorer in Croatia at the Euro
Czech Republic coach Shilgava: We came out of the group and fought with England for the first place. We got what we wanted
Gareth Southgate: England wanted to win the group and continue to play at Wembley-and it succeeded
Luka Modric: When Croatia plays like this, we are dangerous for everyone