Portugal

Há mais interessados na compra da Efacec, diz ministro

"Tivemos já novas manifestações de interesse além daquelas entidades que apresentaram propostas no processo que anteriormente estava em curso", disse à Lusa Pedro Siza Vieira no ministério da Economia e da Transição Digital, em Lisboa.

O ministro lembrou as empresas que apresentaram propostas ainda antes da nacionalização de 71,73% do capital da Efacec, presumindo que "continuarão interessadas", embora o Governo tenha formalmente de abrir um processo de reprivatização.

"Também nos têm feito chegar manifestações de interesse de outros lados", disse Pedro Siza Vieira, sem concretizar, mas sublinhando que agora a empresa nortenha "já não tem as mesmas dificuldades que estava a ter nos últimos tempos" devido à situação da sua antiga acionista maioritária, a empresária Isabel dos Santos.

Assim, o número dois do Governo considerou que "a empresa até pode ser melhor valorizada pelo mercado".

No dia 26 de junho, ainda antes de ser nacionalizada, a a Efacec anunciou ter recebido "cerca de uma dezena" de propostas não vinculativas de grupos industriais e fundos de investimento, nacionais e internacionais, para aquisição do capital de Isabel dos Santos na empresa.

Na semana seguinte, no dia 02 de julho, o Conselho de Ministros aprovou o decreto de lei para nacionalizar "71,73% do capital social da Efacec", uma empresa nacional que "constitui uma referência internacional em setores vitais para a economia portuguesa".

No mesmo dia, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou o diploma do Governo que nacionaliza a empresa Efacec, justificando a decisão, entre outras razões, pela "natureza transitória da intervenção".

O Conselho de Administração da Efacec considerou que a nacionalização de 71,73% da empresa é "um claro reconhecimento" do "valor económico e estratégico" do grupo, permitindo "viabilizar a sua continuidade" e manter o seu "valor financeiro e operacional".

Dois dias depois, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou que a nacionalização da Efacec não é para ser duradoura, defendendo que "quanto mais curta melhor".

Pedro Siza Vieira afirmou, no dia 07 de julho, que o Estado está a "salvar uma empresa" e não "os financiadores e os acionistas" da Efacec e que o valor da indemnização não será suficiente para saldar a dívida de Isabel dos Santos.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Football news:

PSG are in talks with Chelsea about Bakayoko. The Blues are ready to give the player on loan
The start time of the match Liverpool - Arsenal moved up 15 minutes early because of a curfew in England
Jose Mourinho: I'm tired of asking questions about Allie. 99% of the responsibility lies with the players. On me 1%
Werner admits he was doubtful about moving to Chelsea after the Bayern Munich defeat: I'd be lying if I said that it didn't happen
Messi and Neymar shared 4th place in the voting for the UEFA player of the season award, Ronaldo - 10th
Bayern are ready to offer Alaba a 5-year contract. Previously discussed a 4-year deal
Klopp, flick and Nagelsmann are up for the best coach of the season award