Portugal

João Ferreira ficou “aquém” em noite de preocupação para o PCP (mas vai andar por aí)

Mais percentagem do que Edgar Silva, mas na realidade com menos votos; ultrapassagem de Marisa Matias, mas por pouco. A noite eleitoral deixou o PCP no mesmo ponto que as últimas eleições e com preocupações acrescidas (incluindo nos seus bastiões). O discurso de abertura será trunfo para o futuro (do partido e de Ferreira)?

Não há avaliação sobre uma noite eleitoral que não seja feita de expectativas, mais do que de números. E para João Ferreira, o candidato que desde cedo disse que não se candidatava a percentagens, havia várias. Desde logo, o espectro do último resultado de uma candidatura apoiada pelo PCP (a de Edgar Silva, com a mais baixa percentagem de sempre), que era preciso ultrapassar. Mas também a posição em que João Ferreira e, sobretudo, o partido se colocariam em relação ao Bloco de Esquerda e, já agora, a posição em que o próprio ficaria no dia seguinte às eleições, incluindo quanto a voos mais altos dentro do partido.

Football news:

Gundogan is the new Lampard. Pep's system made him the most productive midfielder in Europe
Barca midfielder Moriba: We never thought that the title race in La Liga was lost
Ignashevich about 1:2 with Chaika: Torpedo had enough chances for a confident victory
Holand escaped serious injury and will play against Sevilla
Inzaghi on 1:3 with Juventus: Lazio deserved much more
Ex-midfielder Loko Zhaloliddinov has moved to Uzbekistan's Andijan. He has 0 games in the RPL
Khatskevich about 0:0 with Khimki: Rotor every point goes to the piggy bank