Portugal

"Os meus jogadores bateram-se para ter outro resultado"

Primeiros minutos foram muitos penalizadores: Os primeiros minutos foram difíceis, tivemos muitas dificuldades. Trabalhámos uma estratégia em organização defensiva e tivemos de corrigir ao intervalo de uma forma mais precisa. O FC Porto criou-nos dificuldades nos primeiros minutos, mas depois equilibramos o jogo. A segunda parte foi completamente diferente. Chegámos à igualdade de forma merecida. Numa bola batida pelo central na profundidade consentimos um golo. O FC Porto ganhou e está de parabéns, mas os meus jogadores bateram-se para ter outro resultado.

Sabor amargo: Estamos cientes do trabalho feito e do desempenho dos jogadores. A ideia é passada para os jogadores e eles cumprem quase na íntegra. Não temos conseguido somar pontos, mas hoje tivemos um opositor muito forte. Não fico frustrado quando os jogadores dão tudo. Obviamente não ficamos satisfeitos, mas nada de frustrações. Temos muita juventude que tende a crescer. Os jogadores têm de continuar a evoluir, os jogadores do FC Porto estão noutro patamar de maturação. Sei o que temos e até onde podemos ir.

Episódio de racismo: Vou fazer uma observação e amanhã poderei ser alvo de algumas críticas. Prefiro não falar de uma situação de que não estou bem ciente. Se houve provocação, não devia ter acontecido. Não me apercebi de qualquer situação. Não tenho factos concretos para poder comentar. Se tivesse visto comentava sem problemas nenhum. O nosso futebol já está a fervilhar e era bom que houvesse alguma serenidade. Se houve comportamentos reprováveis têm de ser reprovados.