Portugal

Rio afasta coligações autárquicas com o Chega nas regiões autónomas

CDS não tem nenhum acordo autárquico previsto com o partido de André Ventura nos Açores. Na Madeira, PSD e CDS assinam nesta quarta-feira um acordo.

Rui Rio assume que não concordaria com coligações com o Chega nas regiões autónomas LUSA/ESTELA SILVA

O PSD e o CDS concordaram em afastar o Chega de quaisquer coligações autárquicas pré-eleitorais no continente e o mesmo cenário parece repetir-se nas regiões autónomas. Rui Rio assumiu ser esse o seu desejo já que as estruturas regionais do partido (Açores e Madeira) têm autonomia face ao PSD. Ao mesmo tempo, o CDS também não fará nenhuma coligação autárquica com o partido de André Ventura nos Açores, apurou o PÚBLICO.

O líder do PSD assegurou, nesta terça-feira, que discordaria de eventuais coligações autárquicas pré-eleitorais com o Chega nas regiões autónomas depois de questionado sobre declarações de André Ventura relativas à possibilidade de haver um acordo com os sociais-democratas e os centristas nos Açores.

“Não temos tutela nas regiões autónomas. Aquilo que é desejável é que nas regiões autónomas façam o mesmo que fazemos no continente e fazer o mesmo é não fazer coligações com o Chega”, respondeu o líder social-democrata aos jornalistas à margem de uma conferência de imprensa sobre a pandemia de covid-19.

Rui Rio lembrou que concordou com o apoio parlamentar do Chega ao Governo regional açoriano formado pelo PSD, CDS e PPM após as eleições de Novembro do ano passado.

“No apoio parlamentar, no fim, eu concordei. Se fosse assim [um acordo autárquico] agora eu não concordaria”, reforçou, referindo que o acordo autárquico nacional com o CDS prevê coligações onde os concelhos o desejarem e que está aberto a outros partidos mas não ao Chega. Esta posição foi encarada como bullying político por parte de André Ventura.

O PSD-Madeira e o CDS-Madeira assinam, nesta quarta-feira, um acordo autárquico para a região. Os dois partidos devem concorrer coligados a câmaras municipais onde são oposição. 

Email marketing por

E-goi

Football news:

Griezmann spoke with Hamilton and visited the Mercedes boxes at the Spanish Grand Prix
Barcelona feels that Neymar used it. He said that he wanted to return, but extended his contract with PSG (RAC1)
Aubameyang to the Arsenal fans: We wanted to give you something good. I am sorry that we could not
Atletico did not lose at the Camp Nou. Busquets' injury is the turning point of the match (and the championship race?)
Verratti injured his knee ligaments in PSG training. Participation in the Euro is still in question
Neymar's contract in one picture. Mbappe wants the same one
Manchester United would like to sign Bellingham in the summer, not Sancho. Borussia do not intend to sell Jude