Sao Tome
This article was added by the user . TheWorldNews is not responsible for the content of the platform.

MLSTP refuta a maioria absoluta reclamada pela ADI e exibe seus dados eleitorais

A polémica está a ameaçar os resultados das eleições legislativas de 2022. Algumas horas depois da conferência de imprensa da ADI, em que Patrice Trovoada, reclamou vitória e com maioria absoluta de 30 mandatos nas eleições legislativas de domingo, o MLSTP também chamou a imprensa para contestar os resultados apresentados pela ADI.

«Estou aqui para refutar qualquer tipo de manifestação ou declaração de vitória com maioria absoluta, na medida em que ainda não dispomos de todos os dados oficiais da Comissão Eleitoral», declarou Gabdul Quaresma, Vice-Presidente do MLSTP.

 O partido no governo, diz que também fez cálculos com base nos editais saídos das mesas de voto, e os resultados são positivos. «Os nossos dados apontam para um resultado de 22 a 24 deputados para o MLSTP, cerca de 6 deputados para o Movimento dos Cidadãos Independentes, e cerca de 2 a 3 deputados para o Movimento Basta», explicou o vice-presidente do MLSTP.

Enquanto os partidos esgrimes argumentos com base nos cálculos que fizeram da contagem dos votos, a Comissão Eleitoral Nacional contínua em silêncio. Os resultados provisórios das eleições de 25 de Setembro ainda não foram divulgados.

«O que quer dizer que qualquer declaração ou manifestação de maioria absoluta é muito prematuro. Pedimos que o povo aguarde serenamente pelos resultados oficiais», reforçou Gabdul Quaresma.

Polémica quer ameaçar o período eleitoral em São Tomé e Príncipe.  

Abel Veiga